AÇORES | Faial e Pico, as ilhas do Canal

Viagem com Guia Privativo | Circuito clássico

Período

Todo o Ano

Partidas

Lisboa

Reservas até

Não aplicável
Ref.: NRTVL_I.CANAL

Ilha do Faial / Ilha do Pico e em opção / Ilha de São Jorge

 

1º Dia – Lisboa / Faial (Visita)

Comparência no aeroporto 2 horas antes da partida para formalidades de embarque. Partida em voo regular direto da Azores Airlines, com destino ao aeroporto da Horta, na ilha do Faial. Transfere assistido pelo guia local Nortravel e transporte privativo em autocarro de turismo ao Hotel Canal ****, ou similar. Saída para breve passeio a pé à cidade da Horta, com destaque para: o famoso “Peter Café Sport”, Rua Cônsul Dabney, Casa Manuel De Arriaga e Museu da Horta (entradas incluídas), Igreja Matriz e a Marina da Horta. O almoço com bebidas incluídas será servido em original restaurante local. Resto da tarde livre para atividades de caráter pessoal ou participar em atividades opcionais (a pagar localmente). Jantar com bebidas incluídas, será servido no hotel e alojamento.

2º Dia – Faial / Pico (Visita) / Faial

Após o pequeno-almoço buffet no hotel, saída para o cais da Horta, para curta viagem de ferry no “Canal” imortalizado por Vitorino Nemésio, até à cidade da Madalena, na Ilha do Pico. Chegada e início de visita de dia inteiro à ilha do Pico, com destaque para: Museu do Vinho (entrada incluída), com os seus famosos dragoeiros (dracena draco); zona demarcada do verdelho, paisagem declarada Património da Humanidade, pela UNESCO; “Mistério de São João” (paragem); Mistério da Silveira (passagem); Vila das Lages. Almoço buffet com bebidas incluídas em restaurante local. De tarde, visita ao Museu dos Baleeiros (entrada incluída) *. Tempo para passeios no centro da vila, ou compras, nas várias lojas de artesanato de objetos em marfim e osso de baleia; travessia da ilha, de sul a norte, passando ao lado da montanha do Pico, Vila de São Roque do Pico, velho porto baleeiro; piscinas naturais das Poças; aldeia do Cachorro. A visita termina no cais da Madalena, onde tomaremos de regresso o ferry até à cidade da Horta. Jantar com bebidas incluídas, servido no hotel. Alojamento.

3º Dia – Faial

Pequeno-almoço buffet no hotel. Dia totalmente livre para atividades de caráter pessoal, ou participar em atividades opcionais (a pagar localmente e sempre que as condições climáticas e disponibilidades de embarcações o permitam), como visita à Ilha de São Jorge, observação de Baleias e Golfinhos ou ainda um passeio de barco para observação das grutas na costa sul da ilha. O jantar com bebidas incluídas será servido no hotel. Alojamento.

4º Dia – Faial (Visita, incluindo Centro de Interpretação do Vulcão dos Capelinhos)

Após o pequeno-almoço buffet no hotel, visita de meio-dia dia à ilha do Faial, nomeadamente: Miradouro de Nossa Senhora da Conceição; vistas para o famoso Vale dos Flamengos; Caldeira, principal cratera de colapso da ilha; Vulcão dos Capelinhos, que teve atividade eruptiva em 1957/58 e acrescentou “terra nova” aos Açores. Visita guiada ao Centro de Interpretação do Vulcão: visionamento de filme 3D sobre a “Formação da Terra”, Exposição sobre Faróis dos Açores, projeção holográfica sobre o vulcão, origens e natureza geológica das Ilhas dos Açores (entrada incluída). Possibilidade de subida à Torre do antigo Farol dos Capelinhos (entrada incluída); visita a local de exposição e venda de artesanato local. Almoço e resto da tarde livres. Em hora a combinar localmente, transporte privativo ao aeroporto. Formalidades de embarque e partida em voo regular direto da Azores Airlines, com destino a Lisboa. Chegada ao aeroporto Humberto Delgado.

 

Nota: *Quando a visita coincidir com feriado ou outro dia de encerramento dos museus previstos no programa, a visita será efetuada à antiga fábrica da baleia Sibil, nas Lajes do Pico, convertida em “Centro de Artes e Ciências do Mar” (entrada incluída).

Hotel do Canal ****

Preço Por Pessoa Desde: 640€ (Duplo)

 

Serviços incluídos:

Passagem aérea, classe económica nos voos da Azores Airlines para os percursos indicados, em voos regulares Azores Airlines, com direito ao transporte de 1 peça de bagagem até 23 kg;
Assistência nas formalidades de embarque;
Circuito em autocarro de turismo de acordo com o itinerário;
Alojamento em hotel indicado ou similar;
Todos os pequenos-almoços buffet;
5 Refeições indicadas no itinerário com bebidas incluídas (vinho da casa, sumos, água mineral e café);
Travessia do Canal Horta / Pico e vice-versa em ferry-boat, conforme o itinerário;
Entradas no Centro de Interpretação do Vulcão dos Capelinhos, Museu dos Baleeiros, Museu do Vinho e Museu da Horta;
Acompanhamento de experiente guia local em todas as visitas mencionadas no itinerário;
Seguro Viagens Portugal – capital de € 30.000 (incluindo cobertura Covid-19);
Taxas hoteleiras de turismo, serviço e IVA;
Taxas de aviação – € 30 (voos diretos).

 

Os preços não incluem:

Tudo o que não esteja incluído no programa.

Faial

A Ilha do Faial está localizada no extremo ocidental do Grupo Central do Arquipélago dos Açores e encontra-se separada da Ilha do Pico por um estreito braço de mar conhecido por canal do Faial. Caracteriza-se pela sua origem vulcânica e pelo relevo acentuado.
Tal como as restantes ilhas, o Faial vive muito virado para o mar. Como consequência, ao longo dos tempos, foi visitada por gentes oriundas de todo o mundo, tendo algumas delas escolhido este destino para se fixarem. Os inúmeros iates e navios conferem à ilha uma dinâmica muito especial, e as suas cores, um colorido e uma vida própria de quem vive debruçado sobre o mar. A Horta é a ilha mais visitada do Arquipélago dos Açores e uma das mais visitadas do mundo por aqueles que cruzam os mares do Atlântico Norte.
A inauguração do Peter Café Sport, em 1918, deu origem a uma nova realidade. Com o passar do tempo, todos os que se faziam ao mar, e ali atracavam, passaram a fazer deste ponto um local para descansar, trocar correspondência e saber as últimas novidades.
Conhecida como a “ilha azul”, devido à abundância de hortênsias que se estendem um pouco por toda a ilha, no Faial é possível praticar desportos náuticos, excursões para observação de cetáceos, praticar mergulho e fotografia subaquática, bem como fazer passeios pedestres e marítimos. Em tempos idos, a caça à baleia foi um meio fundamental de subsistência. Com o seu fim, nos anos oitenta, deu-se início à recuperação do seu património com fins culturais, surgindo o Museu dos Baleeiros, nas Lages do Pico, ou a Fábrica da Baleia de Porto Pim, no Faial, ambos de visita obrigatória.
O Vulcão dos Capelinhos teve origem numa erupção submarina, em setembro de 1957, e esteve em atividade durante 13 meses. Findo esse tempo, surge a porção de terra mais jovem de Portugal, um verdadeiro ex libris dos Açores. Considerado extinto, hoje em dia, a visita ao Centro de Interpretação é fundamental para se compreender a história geológica da formação do Arquipélago dos Açores.
As belas paisagens, os mistérios das grutas vulcânicas, os belos moinhos e a tranquilidade da costa marítima. No porto da cidade da Horta, vale a pena ir ao Peter´s beber um gin ou simplesmente conhecer o que é considerado como um dos melhores bares do mundo, e onde, devido ao movimento dos barcos no porto, se trocou muita correspondência e se fizeram amizades para toda a vida.

Pico

O cinzento-escuro do basalto, o azul cristalino do mar e o branco leitoso da espuma de rebentação marcam a trilogia colorida do litoral da ilha do Pico.
Sem praias, mas com encantadoras baías e enseadas, a ilha oferece várias zonas balneares, frequentemente aproveitando o recorte da costa para proporcionar um cenário natural único. Em contrapartida, altas arribas marcam certos troços da orla costeira do Pico, rivalizando com as de São Jorge na sua imponência e deslumbre: o Miradouro da Terra Alta propicia esta visão.
Arcos, grutas litorais e bancadas de rocha dura sucedem-se ao longo do litoral, aqui e ali dando passagem a terrenos de vinha com as suas típicas adegas. Em muitos locais da ilha, como nas Ribeiras, nas Lajes do Pico ou na Ponta do Mistério, permanecem extensas fajãs lávicas, testemunho eloquente da constante luta entre a força criadora dos vulcões e as acções destruidoras do mar.

mapa
TODA A INFORMAÇÃO AQUI PRESTADA NÃO DISPENSA A CONSULTA DOS NOSSOS CONSULTORES E DAS CONDIÇÕES GERAIS E PARTICULARES DA VIAGEM ORGANIZADA

PEÇA JÁ O SEU ORÇAMENTO

    Nome *
    Telefone *
    Email *

    Data de Partida *
    Data de chegada *
    Datas Flexíveis *

    Adultos *
    Crianças
    Bebés

    Nº de Quartos *
    Regime *

    Mensagem

    MAIS PROGRAMAS